quinta-feira, 30 de setembro de 2010

"Rigidezes"

Rigidezes? O quê, AINDA não se pode despedir sempre que nos apetecer?
 
"O comissário dos assuntos económicos encorajou as autoridades portuguesas a "apoiarem as medidas orçamentais com reformas estruturais abrangentes", que potencializem o crescimento, instando Portugal a focar-se "nomeadamente em remover rigidezes no mercado de trabalho" e melhorar a produtividade."
 
 
Agora com licença, vou terminar o meu jogo de golfe.
Vejam bem esta tacada!!
 
IMAGEM AQUI
ARTIGO COMPLETO AQUI

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Mais "morto que vivo"

videoApesar de treinar, a falta de aquecimento no início e ainda uma insuficiente preparação, conduziram-me a um final de corrida penoso. Mas cheguei ao fim!
Estes eventos de corrida, cada vez mais na moda, são importantes agentes motivadores da actividade física e importantes foruns de convívio.
Convívio sim, porque a corrida é um desporto geralmente solitário.
O que importa é estar em forma e chegar ao fim. Se pudermos melhor, vale a pena!



sábado, 25 de setembro de 2010

"Trabalho: Aprenda com ela (ganhe menos e trabalhe menos)" !!!

Assim mesmo, numa capa de uma revista (sem o ponto de exclamação, claro).
Não encontrei (não procurei muito também...) a capa da revista de Março 2010, com este artigo de capa!
No meio do saco da inscrição para a meia-maratona de Lisboa, despacharam um número antigo da revista Men´s Health. Pela capa, a revista realmente promete.

Foto AQUI


sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Uma espécie de caça diferente!

Greve dos Transportes e a caça às bicicletas em Paris
 
Foto AQUI
 



quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Pela Natureza: Um site muito interessante

 
Variados produtos que podem ajudar-nos a poupar o ambiente, todos os dias!


 

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Eu, na TV!

As bicicletas e não só no Terra Alerta na SIC.
Apareço neste programa assinado por Carla Castelo!
Vídeo AQUI




domingo, 19 de setembro de 2010

5 Estrelas - Flamenco em Lisboa

Foto e detalhes AQUI

Atenção a este Miguel de Tena, a quem o PUBLICO dá 5 estrelas.
Arrebatador, fantástica voz.
Fechamos os olhos e lá estamos a deslizar pelas planícies Espanholas, avistando ao fundo cidades de côr clara, sobressaindo o seu pináculo de uma catedral "Mudejar".
O Festival de Flamenco em Lisboa, ao que parece, foi todo muito bom. Este último dia, a que tive a sorte de assistir, foi de se lhe tirar o chapéu. Isso garanto.

A Sesta

"Impor abandono da sesta é uma "tortura" praticada em muitos infantários"

Muitos gozaram com Mário Soares e com as suas "sestas"...
Foi como gozar com alguém que assumisse " como muitos vegetais e pouca carne. É pela minha saúde, percebem?".
Não, não percebem e até aplicam a receita até a meninos de colo...um erro!

Vêr aqui:
http://www.publico.pt/Sociedade/impor-abandono-da-sesta-e-uma-tortura-praticada-em-muitos-infantarios_1456606


quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Boas notícias: Classificação da Linha Ferroviária do Tua em curso

Foto AQUI
 
Até o meu filho, quando lá foi, e só com 4 anos de idade, disse-me logo e durante semanas:
"Pai, não quero que esta linha desapareça debaixo de água"
Conhecem os míudos dentro do carro a perguntar "quanto falta, quanto falta para chegar?" Pois, é isso mas a perguntar se a Barragem vai destruir este Património!
Até um míudo sente que aquilo não fica bem"com uma grande parede de betão" como disse o nosso PM quando lá foi.
 
 
Agora, o IPPAR avança com o processo de classificação, e eu considero isso uma grande notícia! Se esta barragem alguma vez avançar, estaremos na presença de um erro monstruoso, de consequências patrimoniais, ambientais e mesmo económicas incalculáveis. O poencial turistico desta linha e deste vale ultrapassa largamente as vantagens de mais uns Mega Watts de elecricidade, a serem consumidos numa urbe qualquer deste País!
 
 
Vêr os detalhes aqui:
 
 

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Ai, ai, ai...isso é que não!

Alemanha quer prolongar vida de centrais nucleares

(http://www.publico.pt/Mundo/alemanha-quer-prolongar-vida-de-centrais-nucleares_1454516)


"O acordo quer dizer que vamos ter segurança energética", declarou a chanceler, dizendo-se "muito satisfeita" com a decisão tomada após uma polémica de meses e uma maratona de discussões que terminaram na noite de domingo.

As centrais que foram construídas antes de 1980 vão estar em funcionamento mais 8 anos para além do prazo antes previsto de encerramento, definido no Governo do antecessor de Merkel, Gerhard Schröder. As mais recentes terão 14 anos adicionais. O país vai, assim, produzir energia nuclear durante as próximas três décadas, nota a revista "Der Spiegel".

O acordo pede uma contribuição das empresas que produzem energia atómica para investimento em energias renováveis – que não são ainda, disse Merkel, suficientes para compensar um encerramento das centrais atómicas. "A energia nuclear é uma tecnologia de ponte", sublinhou.

A notícia foi boa para a bolsa alemã, que subiu, puxada por duas empresas de produção de energia atómica, a E.ON e a RWE. Mas poderá não ser tão boa para o Executivo de Merkel, já que a extensão do nuclear não é muito popular e o Governo está com baixa aprovação (numa sondagem da estação de televisão ARD, 81 por cento dos inquiridos diziam não estar satisfeitos com o Executivo).

A oposição reagiu em força e o líder dos sociais-democratas (SPD), Sigmar Gabriel, prometeu desafiar a decisão em tribunal, para obrigar o Governo a levá-la ao Bundesrat, o Conselho Federal, onde SPD e Verdes a chumbariam (é dúbio se é preciso apenas aprovação do Bundestag, o Parlamento, ou ainda do Bundesrat).

A decisão alemã surge quando outros países europeus, incluindo Itália e Suécia, reconsideram políticas em relação à energia atómica.


--
Duarte d´Araújo Mata
 
Site Meter